Veja 3 vezes em que o cigarro prejudica a sua saúde! 

Dia mundial Sem Tabaco

Tempo de leitura: 2,5 minutos. 

Ter o hábito de fumar traz inúmeros malefícios, disso já sabemos. 

Mas neste Dia Mundial sem Tabaco, cabe a nós a reflexão: quais os reais efeitos do cigarro para a saúde? 

Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde, em 2019 o índice de fumantes de derivados do tabaco foi de 12,28%, já o de passivos 9,2%. 

Em 2013, a mesma pesquisa apontou um índice de 14,9%. 

Com isso, é possível dizer que há uma redução no uso do tabagismo como um todo. 

Que tal seguir a nova onda de saúde e deixar de lado esse hábito? 

Continue lendo e veja 3 razões para abandonar o cigarro. 

1 – Fumar reduz a expectativa de vida 

Você sabia que no Brasil morrem diariamente 428 pessoas em razão da dependência da nicotina? 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, no mundo, cerca de 8 milhões de pessoas morrem em decorrência ao tabagismo.

Fato é que além de contribuir para diversas doenças, o uso frequente do cigarro diminui a expectativa de vida em até 10 anos. 

É algo que muita gente não sabe, mas quanto mais tempo você fuma, mais sua longevidade você compromete. 

Além disso, outra consequência do tabaco que anda lado a lado com essa é o envelhecimento precoce. 

Isso devido aos problemas dermatológicos que surgem com o tempo como rugas, ressecamento e amarelamento da pele etc. 

2 – Pode gerar mais de 50 doenças

Não, você não leu errado: o consumo do cigarro pode gerar mais de 50 doenças! 

  • Doenças cardiovasculares;
  • Problemas na circulação sanguínea;
  • Pneumonia;
  • Aneurisma da aorta;
  • Doença pulmonar crônica;
  • Osteoporose;
  • Colesterol. 

Além de tantas outras doenças diversas que surgem a partir das já citadas. 

3 – Traz problemas na gravidez

Por fim, se engana quem pensa que a própria saúde é a única afetada pelo tabaco. 

No caso das gestantes, o uso do cigarro pode colocar a saúde do bebê em risco também. 

Isso porque as substâncias presentes no tabaco tendem a comprometer a chegada de nutrientes e oxigênio ao feto. 

Além disso, pode colaborar para o parto prematuro ou até morte súbita logo após o nascimento.  

Infelizmente o cigarro, assim como o tabaco, é uma questão de saúde para milhares de pessoas que fazem o uso frequente. 

No entanto, movimentos como o Dia Mundial Sem Tabaco nascem com o objetivo de promover a conscientização e tentar reverter o cenário.

E você, de qual lado dessa luta vai ficar? 

Leia outros conteúdos que também podem ser de seu interesse: 

Outono saudável: conheça 8 alimentos da época para inserir na alimentação 

Conheça 3 hábitos simples que melhoram a sua saúde sem você perceber 

Mude de vida hoje: guia completo para dar adeus ao sedentarismo

Deixe um comentário